Governador Amazonino Mendes reśne prefeitos e discute melhorias para o interior do AM

O governador Amazonino Mendes reuniu-se, neste sábado (14/04), com 53 prefeitos do interior do Amazonas para dar andamento na formatação dos convênios que serão firmados entre as prefeituras municipais e o Governo do Estado. As cidades receberão investimentos de aproximadamente R$ 500 milhões para os setores de infraestrutura, mobilidade, educação, segurança, saúde e setor primário, entre outras áreas.

 

Ao lado do vice-governador, Bosco Saraiva, e demais secretários de Estado, o governador Amazonino ressaltou aos prefeitos que o momento é para a conclusão dos objetos dos convênios, com a definição sobre em quais áreas cada prefeito irá aplicar os recursos, que devem ter como prioridade a melhoria da qualidade de vida do povo do interior. 

“Neste momento, a gente faz o segundo encontro com os colegas prefeitos com muita alegria no coração porque vamos discutir a forma e a maneira dos recursos dos convênios. Cada prefeito vai dizer (o projeto) e nós vamos formatar o convênio junto com a Procuradoria (Geral do Estado - PGE)”, afirmou o governador, que já havia se reunido com os prefeitos no dia 9 de março.

Durante o encontro, na Secretaria de Estado da Fazenda do Amazonas (Sefaz-AM), Amazonino Mendes disse que a iniciativa da parceria entre governo e prefeitura é para corrigir o estado de abandono deixado pelas gestões anteriores.

 

“Nosso governo tem um compromisso muito firme com o interior. Nós entendemos que o interior ficou relegado em segundo plano durante muito tempo. E houve um processo involutivo, extremamente prejudicial à população interiorana, que ficou em situações graves durante muito tempo. Estamos retomando isso. Um dos caminhos para retomar o compromisso com o interior é promover as ações com as prefeituras”, comentou o chefe do Executivo, destacando que a iniciativa tem alcance macro.

 

“Faz parte de um projeto macro e com a destinação de ao menos 500 milhões (de reais) entre ações diretas do estado e realizadas pelos prefeitos. Vale a pena ressaltar que até pouco tempo o estado estava falido. Para o estado fazer uma coisa dessa é extraordinário. Acabamos de dar o maior aumento da história para o professor, de 27,02%, mais 24% para a saúde, mais de seis mil promoções para a Polícia Militar. Eu devo agradecer muito a Deus por ele permitir que num mandato tampão a gente tenha conseguido isso”, completou.

O governador Amazonino chamou a atenção dos gestores municipais que ainda não conseguiram ficar adimplentes para a realização do convênio. “Os prefeitos que ainda não puderam formalizar os convênios porque ainda estão inadimplentes, nós vamos ajudar e procurar caminhos para eliminar as pendências”, frisou Amazonino.

 

O governador conversou, acompanhado de Bosco Saraiva e dos demais secretários, individualmente, com cada prefeito do interior. 

 

Parcelas – De acordo com o secretário de Infraestrutura, Oswaldo Said, o encontro serviu para afinar a formatação do convênio e a definiç&at

16/04/2018